AMX Project

Projetos para AMIGA, MSX e Apple ][. Velho é o seu PC!

“Casa nova” – Mudamos!

Salve PessoALL!

Depois de alguns problemas aqui com o WordPress, resolvemos mudar de “casa”. Criamos um novo blog, com o mesmo nome, em outro servidor. Estamos transferindo todos os posts para a “casa nova”, mas como não dá pra fazer isso automaticamente, vocês devem imaginar o trabalho que está dando. Mas tudo bem!

Assim que o WordPress “liberar” no NOSSO domínio, é isso mesmo… o wordpress ainda não liberou o nosso domínio pra que possamos usar como apontamento para o novo blog, todos poderão acessá-lo apenas digitando amxproject.com, mas por enquanto, tem que digitar o endereço completo:

http://amxprojects.blogspot.com/

Desculpem por qualquer transtorno e nos vemos lá!

Abraços!

Anúncios

26/10/2011 Posted by | Notícias | Deixe um comentário

V9990 – Mais testes…

Mais um post sobre a V9990. Desculpem se isso ficar chato, mas acho que serão muitos posts ainda sobre esse assunto. Quem sabe vire uma página! Vamos ver. São muitos testes e a cada momento uma descoberta sobre a capacidade dessa plaquinha. Posso dizer que foi um investimento bem legal que eu fiz. Depois da IDE, sem dúvida, é a placa que mais estou usando, mais que a megaram ou a placa de rede. Esse vídeo agora foi a última atualização do “demo” que estamos fazendo. Tenho que agradecer ao Oazem que está me dando uma força pra desvendar os mistérios da V9990, afinal ele é o “pai” da criança e já vez alguns demos bem legais. Sem a ajuda dele seria bem complicado, já que não existe muita coisa disponível além de manuais incompletos e vídeos como esse que estou fazendo no youtube… Quem sabe no futuro esse demo vire um demo-jogável. Essa pelo menos é a ideia.

Nesse vídeo, existe uma diferença sutil em relação ao anterior. Implementei uma pequena mudança pra dar mais realidade ao vídeo. As rodas do caminhão oscilam aleatoriamente, como se as mesmas passassem por alguma irregularidade na estrada. Vejam como ficou…

25/10/2011 Posted by | MSX | , , , | Deixe um comentário

+ V9990

É incrível ver como é rápido processamento de vídeo com a V9990. Coisas que antes só mesmo com assembler pra ficar numa velocidade descente, podemos agora fazer com basic e com desempenho ainda melhor que o antigo VDP do MSX 2+.

Vejam um exemplo simples com um sprite grande, na verdade são 3 linhas de sprites 16×16 por 7 colunas, um total de 21 sprites 16×16 e um scroll infinito no plano “B”.

24/10/2011 Posted by | MSX | , , | Deixe um comentário

Projeto Kit MSX2++: Cancelado!

Parece uma piada de 1º de abril, mas não é!

Até bem pouco tempo, durante uma conversa com alguns usuários e membros da lista MSXBR, vimos que várias pessoas procuravam uma saída para por de volta “a vida” seus MSX1 (além dos Experts Plus e DDPlus) e foi daí que surgiu a ideia do projeto do Kit MSX2++. Depois de um e-mail que eu enviei para o Oazem para falar melhor sobre isso, e da bem sucedida “pesquisa de mercado” realizada, deu-se início o desenvolvimento do projeto. Mas em virtude do lançamento da Expert3, coisa que parecia improvável até então e inclusive um dos motivos pelo qual o projeto do MSX 2++ surgiu,  além do provável lançamento da Hotbit3, o Oazem achou melhor cancelar o projeto, já que não há motivo nem espaço num mercado tão restrito para dois produtos que têm praticamente o mesmo propósito. Se fosse a uns 20 anos atrás… quem sabe né?

Sendo assim, estou comunicando oficialmente que o projeto do Kit MSX2++ está CANCELADO.

23/10/2011 Posted by | MSX, Notícias | , | 11 Comentários

“Brincando” com a V9990

Sábado chuvoso, já cumpri com as tarefas “de casa”, resolvi brincar um pouco com a V9990. Pra quem não conhece a V9990 é uma placa (ou cartucho se preferirem) com um “novo” processador de vídeo (VDP) para MSX. Fabricado pela Tecnobytes (Oazem) ela é compatível com a GFX9000. Esse VDP, segundo dizem, seria o processador de vídeo utilizado numa versão do TurboR que não chegou a ser lançada, o que é uma pena. Dá pra ver que ela tem “poder de fogo”, mas esbarra em alguns problemas. Eu estou usando por enquanto o GBasic que é compatível, ou seja, consegue utilizar seus novos recursos, ou quase isso… Infelizmente não chegaram a implementar completamente a parte de Sprites no GBasic, o que limita de certo modo o principal uso da V9990. Mas mesmo assim, resolvi testar suas qualidades. Existe ainda uma alternativa, que seria o Power Basic, que também é compatível com a V9990, mas ainda não tive oportunidade de experimentar.

Nos testes de hoje, peguei algumas imagens na WEB, fiz algumas alterações no Paint (isso mesmo paint! rsrs), com o MSXView gerei uma imagem no formato que o MSX entende, no caso usando Screen13, e o resto foi colocar a mão na massa, ou melhor, no teclado mesmo…

Depois de algumas horas, o resultado foi publicado nesses dois vídeos. Ainda falta o cenário atrás para dar ideia de movimento, mas pra algumas poucas horas de “trabalho” estou satisfeito. Fiquei impressionado com a velocidade da processador, já que estou usando o recurso de “copy” das imagens pra simular o efeito do sprite. Realmente animador. Imagine com sprites…

No primeiro vídeo o caminhão está sempre se mexendo e cada vez mais rápido ou mais devagar de acordo com a velocidade que vou atribuindo com a “seta pra cima” ou “seta pra baixo”. No segundo, resolvi implementar uma forma diferente, onde ele só mexe de vez em quando, como se passasse por alguma irregularidade, de forma aleatória, mas também com controle de velocidade nas teclas direcionais.

Quando parado, é possível acionar o canhão. Tive que fazer o quadro a quadro da traseira do caminhão abrindo e o canhão aparecendo. Esse canhão na verdade era uma bazuca de outro personagem que recortei e improvisei. Até que não ficou tão ruim. 😛

Bem, é isso.

Vamos ver no que vai dar essa brincadeira (se é que vai dar em alguma coisa)… sábados tranquilos assim são raros… sabe-se lá quando vou mexer nisso outra vez…

Abraços!

15/10/2011 Posted by | MSX | , , , | Deixe um comentário

Plataformas “vintage”: Hardware x Software

Eu sempre leio em diversas listas e fóruns a mesma afirmação: “De hardware estamos bem servidos, o problema é software!!! Temos ciclano e beltrano, além das lojas x,y e z vendendo novos hardwares” (ou novas versões de hardwares antigos).

A pergunta é: Por que temos “tanta” disponibilidade de hardware e não de software (novos)? Pra mim é resposta é tão clara e óbvia que nem deveríamos fazer essa pergunta. Vamos tomar como exemplo a plataforma MSX:

Aqui mesmo no Brasil temos pelo menos dois conhecidos  fabricantes de hardware. O Ademir Carchano que acaba de relançar a placa Expert3 e o nosso amigo Ricardo Oazem, que entre muitas novidades, lançou a pouco tempo a IDE-MAPPER e a primeira placa de rede “assembled in Brazil” digamos assim. Isso pra falar de coisas recentes. O que eu acho curioso nessa história é que as pessoas acham justo (eu também acho, claro!) pagar pelos produtos desenvolvidos, testados, montados etc, etc, etc… Quanto se paga? Num cálculo rápido, acredito que a Expert 3 saia por volta de R$600,00. Justo? Acredito que sim. Mas será que alguém pagaria R$600 pra alguém que desenvolveu um jogo novo pra MSX??? DUVIDO!!!! Um jogo por 600 pratas??? Nunca! Nem jogo de Xbox360 ou PS3 custa isso tudo! Concordo, mas vamos lembrar que estamos falando de algumas centenas de usuários da plataforma “vintage” contra milhares de usuários dos novos consoles. Se o FIFA2012 tivesse uma estimativa de vendas de apenas centenas de usuários custaria uns 100 mil reais, ou não seria desenvolvido (obviamente). Mas voltando ao assunto. Será que alguém está disposto a estudar, desenvolver, testar, adaptar etc… etc… etc… só pra no final alguém dizer: Parabéns! Ficou legal (ou nem isso…)???? Será? Acho que não. Eu sou um dos loucos que está “brincando” de fazer joguinho aqui. Mas sem qualquer pretensão comercial, obviamente, apenas para distrair meus neurônios.

Não vejo muita solução pra isso. Há os que defendam o software livre, mas isso sinceramente não existe. O desenvolvedor sempre está recebendo de alguma forma, seja através de propaganda, patrocínio ou algo do gênero. É uma “filosofia” bacana, mas que no mundo dos micros “vintage” não vejo como dar certo. O público alvo é muito pequeno para gerar receita da forma que um software livre faz. Simplesmente não funciona.

Outro fato interessante e que muitas vezes não lembramos: O cara que saca de hardware, consegue praticamente sozinho, desenvolver o projeto e implementá-lo. Pode demorar um pouco mais, mas é completamente possível. Nesse casos estou tomando como base os feras que citei no início do Post. Num jogo, o cara tem que ter muita criatividade, saber trabalhar com softwares gráficos para desenhar personagens e cenários, precisa entender de som (alguém já viu algum jogo sem som?), além de programar e testar… testar muito! Dá pra uma pessoa sozinha fazer isso tudo? Sim dá. Mas não espere que o resultado saia rápido… Tenho visto trabalhos sensacionais de melhoria de games, como os updates realizados pelo FRS da lista MSX. São de tirar o chapéu! Vi também um protótipo de um game muito legal do Slotman durante a última MSXRio. Esse é outro cara fera.

Resumindo…

Pagamos o preço de vídeo-games de última geração por “placas de 8bits” (felizes da vida), mas estamos acostumados a não pagar pelos softwares e jogos seja lá de qual geração for…

15/10/2011 Posted by | Amiga, Apple ][, MSX, Notícias | , , , , , , , , | 2 Comentários

Projetos em andamento: MSX #14/10/2011

Como este post estava ficando muito extenso, resolvi dividi-lo pra facilitar a leitura e também a minha atualização. Dessa forma posso até comentar melhor o que está “rolando”.

Vamos falar de…

MSX

  • Expert “Felix”
    • O Felix já está praticamente finalizado. O que vier agora é firula mesmo. Penso ainda em colocar uma mapper de 256Kb interna, mas não sei se vai rolar.
    1. Instalação de fonte de PC – 100%
    2. Pintura e restauração do gabinete – 100%
    3. Instalação de drive de 3.1/2 – 100%
    4. Transformação para 2.0 (kit DDX) – 100%
    5. Reparo do joystick (troca do botão nº1) – 100%
    6. Colar adesivos – 0%
  • Turbo-R
    • Eu caí na asneira de começar a montar a interface para mouse sem “imprimir” a placa de circuitos. Que trabalheira! É a primeira e única vez que vou fazer isso… De resto tudo calmo com os TR´s. Faltando fazer um cabo de áudio e vídeo para o GT e o processo de “limpeza” no ST.
    1. Montar uma interface de mouse – 50%
    2. Montar cabo de áudio e vídeo para o GT – 0%
    3. Montar cabo RGB para o ST – 100%
  • Hotbit
    • Esse largou por último e já passou todo mundo. Está montado, com fonte de PC, aguardando o upgrade para 2++. Só devo mexer ainda na parte de refrigeração e um dia qualquer, quando não tiver nada pra fazer, vou dar uma geral no gabinete (pintura etc…).
    1. Colocar pra funcionar – 100%
    2. Limpar TODO o micro – 100%
    3. Instalar fonte de PC – 100%
    4. Melhorar sistema de refrigeração – 0%
    5. Restaurar gabinete – 0%
De MSX é isso!
Abçs!

14/10/2011 Posted by | MSX, Notícias | , , , , , | Deixe um comentário

Meu primeiro Hotbit – Parte Final

Depois de um bom tempo desmontado, consegui finalmente terminar mais essa etapa. Eu estava meio sem tempo e também sem paciência para montar o micro, mas a espera valeu a pena. Aproveitei até para adaptar uma fonte de PC… Encontrei uma fonte bem pequena que coube quase que de primeira no gabinete. Precisei aparar umas beiradas, fazer uns cortes emendar uns fios e pronto! Há! Tive que trocar o botão de “power” de lugar também. Ficou legal.

Depois de montado, ainda antes de ligar o micro, vi que as teclas estavam duras e algumas agarrando. Desmontei o teclado novamente pra ver o motivo. Na verdade não existia nenhum “problema”. O atrito entre a tecla e teclado é que estava fazendo a tecla ficar presa mesmo. Procurei uma graxinha que eu tinha e usava em rolamentos de carros de automodelismo, mas não encontrei. Acho que seria o ideal. Na falta da graxa, peguei silicone em gel e apliquei em todas as teclas. Pronto! Problema resolvido, as teclas ficaram muito macias e aida por cima com cheirinho bom! 😀

Montei tudo novamente e liguei pela primeira vez o micro completo. Eu nem sabia se o teclado funcionava. Tudo perfeito. Todas as teclas funcionando, leds etc…

Agora sim posso dizer que tenho um Hotbit!

Abraços!

 

 

13/10/2011 Posted by | MSX | , , , | 2 Comentários

A1200 PPC – Instalando um DVD internamente – Parte 1

Instalar um CD ou DVD internamente no A1200 não é nenhuma novidade. O meu A1200 preto mesmo tem um CD interno com áudio mixado à saída original do micro, o que possibilita ouvir um CD ou jogar um game do AmigaCD32 com o áudio do CD direto, sem ter que ligar nada a mais. Mas esse outro A1200 tem um “probleminha”: Eu já coloquei um leitor de cartão (CF) sobre o conector PCMCIA e não pretendo tirá-lo dali. Só que o adaptador está roubando o pouco espaço disponível, impedindo que o drive de DVD caiba.
O teclado fica raspando um pouco na carcaça do DVD. Muito pouco mesmo, mas eu não quero que fique assim. O problema não é ficar encostado no drive e sim o drive estar encostado no adaptador do CF que por sua vez está sobre o slot PCMCIA que está onde? Na placa mãe. E eu não quero ficar forçando a placa mãe a cada tecla apertada.
Em parte o problema é causado pela plaquinha conversora que tenho que usar no DVD, uma vez que a saída IDE dos CD e DVD´s de notebook são diferentes. Eu já fiz de tudo na plaquinha pra que ela fique com o menor tamanho possível, inclusive refazendo trilhas “por fora” com fios para poder economizar o máximo de espaço. Estou quase lá. Mas tá dando MUITO trabalho!!! Perdi um dia inteiro nessa brincadeira e ainda estou longe de chegar a uma conclusão. Talvez seja melhor fazer uma plaquinha conversora no formato que eu preciso pra tentar resolver de uma vez esse impasse…
Vamos ver…

Marcando o local do corte para adaptação do DVD

Tá ficando bom...

Agora sim! Só falta o drive...

Lixando. Trilhas à salvo, por enquanto 😉

Começando a reconstruir as trilhas...

Isso tá dando trabalho!!!!

 

13/10/2011 Posted by | Amiga | , , , , | Deixe um comentário

Sony HB-F900 + HBI-F900 – Restauração – 6º Dia

Finalmente terminei a restauração do HBI-F900.

Na atual circunstância, posso dizer que ficou bom. Se eu tivesse mais tempo fabricaria uma nova tampa inferior e usaria massa de poliester na tampa superior. Acho que com isso ficaria muito bom. Mas tem muito trabalho pela frente ainda. O HB-F900 está esperando e mais um monte de outros à fazeres também.

Agora o HBI está montado e embalado. Espero que o Oazem consiga colocá-lo pra funcionar. É um equipamento muito interessante.

Finalmente as fotos do HBI montado.

Abraços!

13/10/2011 Posted by | MSX | , , , , , | Deixe um comentário